Usuários têm que cadastrar renda até dia 25 de maio para garantir descontos

Usuários do Bilhete Único Intermunicipal têm até o dia 25 de maio para fazerem o cadastro de renda mensal e continuar tendo o direito ao subsídio. O cadastramento deve ser feito pelas empresas ou pelos usuários pessoa física no site da Secretaria de Estado de Transportes (Setrans). Segundo a secretaria, até o dia 15, apenas 20% dos usuários haviam procurado o serviço. Isso significa que, hoje, 4,1 milhões de usuários correm o risco de ter o benefício suspenso.

Para continuar com o desconto tarifário, o usuário deve comprovar renda mensal de até R$ 3 mil, segundo a Lei Estadual nº 7.506, de 29 de dezembro de 2016. Os cartões dos beneficiários que não efetuarem a declaração e dos que tenham renda superior ao valor previsto continuarão a operar. No entanto, será descontada a tarifa integral de cada transporte utilizado.

Caso o comprador de créditos seja o próprio titular do cartão, a informação de renda mensal deve ser realizada por autodeclaração. O usuário deve acessar o site da Setrans (http://www.rj.gov.br/web/setrans) e clicar no banner ‘Declaração de renda do BUI’. Após efetuar o login, escolher a opção ‘Informar ou atualizar sua renda’. Em seguida, o beneficiário deve cadastrar o seu rendimento (até R$ 3 mil ou acima de R$ 3 mil) e declarar que as informações prestadas são verdadeiras e atuais. Sempre que houver alteração da renda mensal, o cadastro deve ser atualizado.

Com relação ao empregador, no ato da compra dos créditos de vale-transporte, é preciso declarar o valor nominal da renda mensal do empregado. Após o login, o sistema direciona para a tela onde é possível selecionar o beneficiário do BUI, individualmente. O usuário que tiver mais de um empregador associado a um único cartão eletrônico terá as rendas individuais, que foram cadastradas pelos empregadores. 


Faça Comentários pelo Facebook!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *